Concorrência: Parceria ou rivalidade?

Muitas empresas têm dificuldade para encontrar as suas falhas nos negócios, e isso acaba influenciando diretamente nas suas vendas. Então analisar o concorrente e ver o que ele está fazendo de perto é uma ação tão importante que fará até mesmo com que você descubra onde está errando e onde você pode acertar.

Cabe ressaltar que você precisa saber quem são seus concorrentes diretos, aqueles que oferecem o mesmo produto ou serviço que você, e os indiretos, que são aqueles que oferecem produto ou serviço que podem ser substitutos do seu.

Para essa identificação, é preciso fazer uma análise crítica. Conhecer as boas práticas da concorrência e também os pontos em que ela está deixando a desejar do ponto de vista do mercado, para que, dessa forma, você consiga ter base para fazer uma análise interna da sua empresa e encontrar a melhor forma de atender o seu cliente.

Com essa análise pronta, é possível encontrar possíveis melhorias para o seu negócio e também formas de fazer do seu concorrente seu parceiro, para que vocês possam crescer, aprender e se fortalecerem juntos.

Os pontos principais para que você analise a concorrência são:

Identificar quem vende os mesmos produtos e serviços que sua empresa

Na realidade é o principal ponto para qualquer análise. No primeiro momento, verifique no Google e com softwares de SEO principalmente, quem são os seus concorrentes, esses programas geralmente trazem os principais do segmento.

Verifique quais são as boas práticas

Compare a sua interação com a interação desses players, e, com isso, quando você se perguntar o que ele está fazendo que a sua empresa não está, será possível identificar as suas necessidades. No caso de um concorrente novo, verifique como que ele chegou ao mesmo status que você.

Como se comportar

Definidos os concorrentes e o que ele fazem de bom, verifique como que está o seu posicionamento. Às vezes, não estamos fazendo o básico, e com isso não tem como a sua empresa almejar ser o melhor do seu ramo.

Se coloque no mesmo patamar em que os seus concorrentes estão e verifique se a visão externa das duas empresas juntas se equivale, isso vai trazer uma perspectiva mais nítida do seu posicionamento no mercado e determinar quais são os pontos que você deve melhorar para conquistar ainda mais demanda.

Seja qual tipo de concorrente, o primordial é sempre buscar formas de aperfeiçoar os pontos fortes da sua empresa e aproveitar todos os pontos fracos dos seus concorrentes para fortalecer o seu negócio e conquistar ainda mais procura por seu produto ou serviço.

Gostou? Deixe seu comentário aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *